amores expresos, blog do ANTÔNIO

Wednesday, June 13, 2007

DISTOPIA

Na juventude eu sonhava em ser cavalo marinho. Mas aí vieram as crianças, as responsabilidades, cada um se vira como pode. Eu tento olhar as coisas pelo lado positivo: pelo menos eu mexo com água, não é não?

8 Comments:

Blogger =/ said...

huahuahua... ^^
Cavalos marinhos são tão fofos! Quando eu era criança (uhh... sou muito adulta, decerto) eu queria ser um pingüim. E nem roupa de pingüim eu uso!
É...
Hm...
Será que eu caminho estranho como os pingüins? oO

Brincadeirinha... Mas é verdade, a gente se vira. Dá um jeitinho ou outro. Um dia você ainda irá cavalgar nas profundezas do oceano. E, quem sabe, eu dê uma de Happy Feet e comece a sapatear! Já imaginou?

Beijocaaaaaas
=***

June 13, 2007 at 12:42 PM  
Blogger =/ said...

This comment has been removed by the author.

June 13, 2007 at 12:43 PM  
Blogger =/ said...

PS: A propósito, é a Mariana... Um dia, talvez, quem sabe, eu dê um jeito nesse maldito =/

June 13, 2007 at 12:44 PM  
Blogger luciana said...

ARGH! ECO! Detesto isso. Deveriam todos(as) ser tranformados em cavalos marinhos e ralo abaixo!
Bidet já!

June 13, 2007 at 1:18 PM  
Blogger Márcio said...

Vou olhar o chuveirinho de outro jeito agora...

Er...

(Frase gay da porra..uahua)

E no outro texto: não importa o que digam, amor é sempre ótimo e se vier abençoado pelo Caio Fernando Abreu aí é de ajoelhar!

Grande abraço!

Passa lá no meu blog!

(Sou um dos Jovens Escribas, de Natal!)

www.umanjopornografico.blogspot.com

June 13, 2007 at 4:44 PM  
Blogger ... said...

ahahahaha... eu queria ser escritora (pretensões infantis) mas não é que estaria feliz, vendo-me cavalo marinho?! mesmo desses, assim, com "design"... ahahah

June 13, 2007 at 7:06 PM  
Blogger Fernanda said...

Ah, se eu estivesse condenada a cumprir essa função por toda a eternidade, eu também quereria...

June 15, 2007 at 5:37 AM  
Blogger Lua said...

Acho que eu nunca quis ser algo assim... As pessoa sempre dizem o que queriam ser quando eram crianças, pois eu não queria ser nada do tipo. Ou talvez eu apenas não me lembre, e daí resolvi substituir essa lembrança por outras mais gostosas de lembrar..
Você anda triste? Ou sou eu com minha alma de psicóloga de plantão?
Seja como for, sorria =)
*

June 15, 2007 at 2:02 PM  

Post a Comment

Subscribe to Post Comments [Atom]

<< Home