amores expresos, blog do ANTÔNIO

Monday, May 14, 2007

TÁ EXPLICADO.

La femme n'existe pas.

(J. Lacan)

Rodrigo, recebi um texto da Ledusha com essa frase de epígrafe. Agora tudo faz sentido. Eu estava procurando no lugar errado. Buscava no Pushi, no passado, no Pudong ou no futuro “a mulher” para figurar em minha história de amor. Mas a mulher, Rodrigo, não existe. O que existem são esfregões. E só. Não sou eu quem digo, é o Lacan. Vai discordar?

2 Comments:

Blogger Jane Malaquias said...

Eu discordo com uma provocação que não é minha mas do Godard: não existe o homem adulto, os homens passam da infância para a velhice sem conhecer a maturidade...

May 16, 2007 at 12:12 PM  
Blogger antonioprata said...

Eu tôna infância! Eu to na infância! (Então é por isso que meu amigo, o escritor Reinaldo Moraes, diz que tem um estilo infanto-senil...).

May 17, 2007 at 2:53 AM  

Post a Comment

Subscribe to Post Comments [Atom]

<< Home